2006-08-31

"Tudo está perdoado"

O Homem é na sua essência um ser relacional. Foi criado para se relacionar.
No livro de Hemingway "The Capitol of the World", ele conta a história de um pai e seu filho adolescente, de nome Paco, cuja relação entra em ruptura. Após a fuga de casa do filho, o pai inicia uma longa viagem à sua procura, contudo sem sucesso. Finalmente, e já como último recurso, põe um anúncio num jornal de Madrid que dizia: "Querido Paco, estarei na entrada do edifício deste jornal amanhã ao meio-dia... tudo está perdoado... eu amo-te".
No dia seguinte, encontravam-se 800 homens, de nome Paco, desejando recuperar um relacionamento rompido.

Se te sentes um "Paco", necessitando do restabelecimento do relacionamento com Deus, o "anúncio no jornal" mantêm-se, só que desta vez não foi a tinta da impressora que o escreveu, mas sim o sangue. O sangue de Jesus... que "clama" pelo TEU nome!

6 comentários:

Vilma disse...

Muito bom relembrar isso!
É muito bom voltar a ler-te! Bem vindo de novo! :)

JOINCANTO disse...

Embora já conhecesse é sem dúvida uma boa história e a aplicação está excelente!

Bem boltado moço...

Abraços
DTA!

Lai disse...

É bom "ler-te" novamente...
Mo meio de tantos "milhões" de nomes Jesus conhece o meu nome e a minha pessoa...

Bom regresso...
DTA

di disse...

Profundo...
Quantos pacos andam por aí, à procura de uma pequena oportunidade!!!

sofia disse...

Quando tudo e todos falham, ELE continua lá.
As férias foram longas, é bom o teu regresso.

DTA:-)

Em contra-corrente disse...

Linda história, a dos Pacos!
Ela é a nossa própria história.