2006-05-04

Visão raio-x

Quando no século XIII, S. Tomás de Aquino começou a assistir às aulas na Universidade de Paris, raramente falava durante as lições. O seu silêncio foi interpretado pelos colegas como evidência de falta de inteligência. Chegaram a atribuir-lhe a alcunha de "boi mudo."
Estes alunos devem ter ficado, no mínimo, bastante surpreendidos quando ele se distinguiu nos estudos e acabou por escrever grandes obras de teologia, que ainda hoje são usadas. S. Tomás de Aquino foi um génio mal avaliado. Os seus colegas julgaram-no apenas pelo que estava diante dos olhos. Na verdade, eles não sabiam, como é que ele era interiormente.
Quantas vezes temos realizado juízos precoces e sumários, ignorando ou não atentando para as qualidades interiores de cada um. Quantas vezes com a nossa prepotência, temos calado "os génios" que poderiam trazer-nos ensino e conhecimento, tudo porque fazemos a nossa avaliação de forma superficial e tantas vezes egoísta.
Lembremo-nos que a medida do valor da pessoa humana vem sobretudo do "seu coração".

3 comentários:

Vilma disse...

Que Deus nos capacite a olhar os outros com o olhar Dele ! Tarefa difícil mas não impossível! :)

marcos disse...

Amén

Paula disse...

É algo que temos a aprender, sem dúvida.