2005-11-22

Harry Potter de volta ao "grande ecrãn"

Tal como esperado, a estreia do novo filme da "saga" de "Harry Potter" revelou-se em mais um estrondoso sucesso de bilheteira nos "estates". Os fãs portugueses terão que esperar mais uns dias.
Já lá vai o tempo em que os elementos do nosso universo fantástico infanto-juvenil (e não só) era povoado de personagens em que claramente se identificavam os "bons e os maus", concorrendo para que se afirmassem as noções do bem e do mal.
Hoje, esses ícons surgem mesclados. Hoje, a "escola de feitiçaria" de Harry Potter encarna "positivamente" os "bons da fita", sendo o seu notável representante o herói incontestado.
As práticas "obscurantistas" do passado, são hoje publicamente elevadas.
Sinais dos tempos...

4 comentários:

Mel disse...

Talvez eu nã seja o melhor exemplo dado que não sou fã incondicional (aliás só vi o 1º filme - por causa do meu sobrinho), e nunca li nenhum livro. Mas quer-me parecer que as batalhas entre o bem e o mal estão presentes. E muito presentes. O contexto é que é um pouco estranho... afinal é cheio de magia, certo?

Lagoa_Azul disse...

Estranhamente esse livros e filmes não fazem parte das minhas leituras.
São fantasiosas demais, e como a vida, para mim , deve ser vivida com os pés bem assentes na terra, ou então sou eu que já perdi a ilusão.
Há que acreditar em algo...

Paula disse...

POdes crer, sinais dos tempos...

Vilma disse...

è verdade...mas no fundo isso só demonstra o quanto as pessoas têm fome de Deus..infelizmente buscam saciá-la em "fast food"... enche mas não faz bem à saúde! ;)